Artigos

O Evangelho Progressista de Jesus

Comments (3)
  1. Alexandre Olavo Miranda disse:

    Da mesma forma, nada no Evangelho aponta que Jesus foi favorável ao assassinato de bebê no ventre, à prática da sodomia, transsexualismo, homossexualismo, ao protecionismo de bandidos, ao consumo de entorpecentes, à cegueira moral contra a mentira, a corrupção, o assalto e roubo contra propriedades privadas, e a idolatria a líderes políticos populistas e etc.

  2. Johnny Bernardo disse:

    Alexandre, Jesus não fez nenhuma referência ao aborto, a homossexuais, mas caso tivesse dificilmente usaria termos pejorativos, seria preconceituoso ou incitaria o ódio contra homossexuais ou mulheres. O mesmo não acontece hoje, entre conservadores direitistas, e o “presidente” Jair Bolsonaro é um exemplo de liderança que incita o ódio e a perseguição contra minorias. Jesus foi progressista ao perdoar o pecado da mulher adúltera e o suposto criminoso que foi juntamente com Ele crucificado. Alexandre, Jesus não era reacionário, não ordenava que seus discípulos “matassem bandidos”. Em suma, Jesus jamais incentivou o ódio, e sim o amor ao próximo como a si mesmo. Siga-o.

    1. Alexandre Miranda disse:

      Johnny, Paz e Graça. A Palavra de Deus nos ensina a promover a paz e evitar as contendas. E promover a paz implica em não criar narrativas que alimentem o já saturado clima político bipolarizado que atualmente domina as discussões nesse país. Se me permite a crítica, o seu texto reproduz uma narrativa mais voltada para o lado ideológico esquerdista do que o lado espiritual bíblico que fomenta a divisão da sociedade com a tal “guerra de classes” proposta pelo satanista Karl Marx. Portanto meu caro, o Evangelho está muito acima de qualquer discurso político-ideológico, seja ele de esquerda ou de direita.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Colunas Gospel+ é um espaço de opinião, voltado ao público cristão, com abordagem de diversos assuntos ligados à jornada de fé, sociedade, política, música e muito mais.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.