Marcha da maconha, das vadias, marcha pra Jesus e parada gay.

35

Parece que o povo levou a sério essa história de protesto através de baderna. Não dá para levar a sério uma marcha com 200 pessoas que empunham maconha e saem pelas ruas fumando um “baseado” e cantando Bob Marley dá?

Não dá para levar à Sério um grupo que sai por aí de top less, cantando palavras de ordem pró feminismo, se auto denominando “marcha das vadias”, mas clamando por respeito dá?

Não dá pra levar à sério um grupo de 1 milhão de pessoas que sai por aí sujando tudo e atravancando o trânsito da cidade, fazendo sexo nas ruas e levantando uma bandeira de que precisamos aceitar a todo custo a formação de famílias gays.

Mas vamos combinar, também não dá para levar à sério um grupo de pessoas que se reúne para marchar para Deus, mas que amarram na cabeça bandanas com os nomes de seus ídolos gospel, ao som de “Pisa, pisa na cabeça do inimigo” versão dance.

Olhando de longe, é todo mundo farinha do mesmo saco. podem não ser iguais na opção sexual, no uso e no costume, mas na incrível tendência de zonear protestos, ahhhhh, são idênticos!!!!!!!!

Uma pena… poderíamos construir uma sociedade diferente se soubéssemos aproveitar esse nicho do protesto pacífico direito. Como Martin Luther King fez, como Gandhi fez, como Malcolm X. O mundo seria outro e não precisaríamos de tantas marchas.

E no mais, tudo na mais santa paz!

COMPARTILHAR
Casado há 10 anos com Érica, é formado em Teologia pelo CETERJ. Dedicado integralmente ao discipulado cristão é também pregador apaixonado do Evangelho, conferencista, escritor. Pastor titular da Igreja Cristã da aliança no Rio do Ouro, procura exercer uma saudável liderança em uma igreja crescente e acolhedora. Twitter: @pastormarcio

35 COMENTÁRIOS

  1. Márcio, compreendi seu objetivo no texto e aliás concordo que , de modo geral, os protestos pacíficos são os mais indicados.
    Todavia, toda forma de protesto é legitima e inúmeras vezes o protesto começa de forma pacífica, mas em virtude do tratamento que os policiais dão aos manifestantes acabam ocorrendo problemas.
    A marcha dos Cem Mil é um belo exemplo, pois estudantes protestavam contra o aumento das refeições no restaurante universitário e a polícia interveio de forma intolerante e daí foram momentos de tensão, chegando a morte de muitos manifestantes.
    Também não acho justo colocar a "Marcha das Vadias" no mesmo contexto, uma vez que a forma como as mulheres se vestem na marcha é simbólico por repudiar o comentário machista de um policial canadense que colocou a culpa na forma como as mulheres se vestiam para justificar a série de casos de abuso sexual que acontecia dentro da Universidade de Toronto.Disse ele, que se as mulheres evitassem se vestir como vadias (sluts, no inglês original) deixariam de ser vítimas.
    Grande abraço!

  2. De acordo com sua matéria, observe a Rio+20. É uma grande bagunça. As ONGs mais importantes ligadas à causa da sustentabilidade foram críticas e reclamam que os temas mais pertinentes foram tirados de pauta e mantidos apenas assuntos "leves".Até a presente tive a oportunidade de observar uma série de manifestações, legítimas e não tão legítimas, sem aviso prévio às autoridades competentes, que em nome da sustentabilidade provocam um caos no transito e em consequência mais poluição. As mulheres mostram os seios (Meu Deus! Em pleno século 21 ainda acham que mostrar os seios é uma forma de protesto?), mas cada um luta pela "sustentabilidade" que acha necessário para si, alguns pensam que brigar pela sustentabilidade é pedir liberação da maconha, como aconteceu ontem. E assim, cada grupo utiliza este momento para chamar atenção para si e para sua "causa". A verdade é que estamos tão escaldados que a nos perguntamos: quais são as vantagens políticas embutidas para cada um envolvido.

  3. Márcio, respeito sua opinião, mas também vou expor a minha. Como um pastor evangélico pode criticar a marcha para Jesus? Claro que onde existem pessoas sempre haverá, idolotria e varias outras atitudes contrarias à palavra de Deus, pois somos seres humanos, falhos e o mundo jaz do maligno. Você deve saber que muitas pessoas se dizem evangélicas, mas não entendem o mundo espiritual e as coisas de Deus, por essa razão deveríamos nos unir como corpo de Cristo ao invés de gerar dúvidas e divisão. Você já pensou em ir a Marcha para evangelizar, falar de Jesus para as pessoas que tem na cabeça o nome dos seus ídolos? Fui uma única vezes e achei incrível as pessoas se divertindo, honrando o nome do pai maior com alegria, orando e profetizando que o Brasil é de Jesus. Inclusive soube que o Carandiru foi demolido no mesmo ano que a Marcha passou em frente ao local fazendo orações. pessoas que estavam ali dentro chegaram a se converter naquele momento ….quanto as outras Marchas não vejo nada de positivo a não ser incitar a queda da familia, com drogas homexualismo, enfim abe a cada um decidir onde prefere estar.

  4. ahh convide os irmãos de fé para marcharem para Jesus e vá também! Independentemente de qual igreja denominação somos, fazemos parte de um só mover que do Espírito Santo…bora falar do amor de Deus que é o mais iportante 😉

  5. Tenho que concordar, pois todo tipo de manifestação gospel existe, inclusive motel gospel. Infelizmente os “Cristão” não são mais como antigamente. Enquanto alguns se divertem, muita gente está precisando ouvir a palavra de Deus e precisando tambem de ajuda.

    A religião pura e imaculada para com Deus, o Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo.
    Tiago 1:27

  6. Aff..sinceramente, não temos mais tantos críticos inteligentes como antes. Meu caro, pela descrição da sua formação, até entendo o porque desse post extremamente preconceituoso, ultrapassado e sem o minímo de respeito para com o direito de liberdade de expressãodo próximo. Tenho certeza, que quando a Marcha das Vadias e a Marcha a favor da Maconha, você não tem o minímo de conhecimento científico ou sociologico dessas passeatas. Antes postar qualquer crítica sobre algo, vá entender o porque dessa ação, e não julgue, nem analise apenas embasando-se nos seus conhecimentos padronizados e extremamente limitados, nos quais nenhumas dessas pessoas são obrigadas a acreditar e muitos menos a seguir. Aliás, além do mundo evangelista qual outro saber Socio-Científico você tem? Acredito que nenhum, pois, se tivesse não publicaria post de extrema ignorância social, mas, claro, o que poderia se esperar de uma página Gospel? Tenho certeza que voce nem sabe qual a finalidade e porque dessas manifestações, portanto é ridículo, postar críticas sem ter conhecimento amplo social e cientíco de qualquer movimento social.

    • Vc é gay? Porque ficou ofendida? Preconceituosa foi a sua colocação a meu respeito. Mesmo se eu não tivesse formação nenhuma, você deveria se posicionar com mais humildade. Ah não, pra vc conhecimento formal é mais importante que humildade né… ok

    • Então respeite a minha posição. você se julga a escudeira da liberdade de escolha e fala de respeito, mas me ofendeu em seu coment anterior. Se quer discussão em alto nível, precisa melhorar muito sua argumentação ao invés de fica ofendendo as pessoas.

  7. QUERIDO MÁRCIO, MUITO OPORTUNA O SEU COMENTÁRIO, PORÉM; NÃO ENTENDI ONDE O IRMÃO QUER CHEGAR; EU TAMBÉM NÃO PARTICIPO E NEM CONCORDO COM ESSAS MARCHAS, POIS A MISSÃO QUE CABE A MIM É PREGAR O EVANGELHO DO SENHOR JESUS; PORÉM; COLOCAR COMO EXEMPLO DE UM MUNDO MELHOR AS PESSOAS QUE O IRMÃO CITOU ACIMA, JAMAIS. NÃO EXISTE OUTRO EXEMPLO MELHOR A SEGUIR SEM NENHUMA DÚVIDA A NÃO SER A VIDA DE JESUS! O MUNDO SERIA OUTRO SE SEGUISEMOS OS PASSOS DE JESUS!

    • Verdade meu irmão. Seguir o exemplo de Cristo é sem dúvidas compreender que ele se importaria com essas pessoas. Eu só entendo que a "marcha das vadias" deve ser compreendida dentro de um outro contexto, não simplesmente pegar a expressão e julgar sem conhecer o movimento. Fico a pensar o que os "faces" de 1968 , cristãos, falariam de Luther King.

    • Hahahahaha! Nossa..heheim…Quanto a você Srº Jonas Barros Lima, nem quero me posiocionar, afinal, é perca de tempo e gasto intelecto com ignorantes como você. Nem sequer, uma crítica respeitosa você consegue postar, tadinho. Tenho dó de você. Lixo é o que você tem dentro da sua cabeça, e o pior, nem é reciclável. Vá estudar, aprender a escrever, a defender sua opinião sem precisar ofender as pessoas que talvez, talvez, eu vá me importar com sua opinião. Afinal, acho que Jesus não vivia soltando ofensas a ninguém né? Acho que esse culto ou reunião você faltou.
      Enfim, mas, o que é pode se esperar, além disso de um ser humano ignorante como você? kkkkkkkkkkkkk!

  8. Marcha pra Jesus? Não será mais um embalo no modismo geralmente, e sempre primeiramente orquestrado
    pelos seguimentos do mundo? Se os movimentos mundanos, as fazem reivindicando alguma coisa, ou protestando contra algo.A marcha pra Jesus, qual é a reivindicação, ou sentido?

  9. A discussão poderia ser mantida em alto nível. O Márcio colocou o posicionamento dele que é respeitável, aliás, quase sempre concordo com tudo que ele escreve aqui, porque venho aqui e leio. Todavia, algumas pessoas que não tem argumento para manter a discussão optam pelo senso comum, pela conversa de boteco. Lamentável!

    • Juninho, às vezes penso na questão da simples coerência do discurso. Se vc prega respeito, precisa respeitar, se vc prega liberdade de escolha, precisa dar liberdade… mas para algumas pessoas, a incoerência é o caminho. Não me acostumei, mas aprendi a lidar com isso. Atirar pérola a porco é bobagem, como dizem os racionais, eles preferem lavagem.

  10. Querido irmão Pr. Marcio, o senhor está em uma posição muito destacada. Tem uma coluna e infelizmente a usa apenas falando mal das pessoas (muitas delas com razão, porém exagerando na dose as vezes). Mas quase não o vejo falando de Jesus e do seu bom exemplo que devemos seguir, ou de sua morte na cruz em favor dos nossos pecados. O senhor só dá ibope para coisas ruins que talvez vão chamar mais atenção e isto te deixa estigmatizado também. Além do mais não vejo amor nas suas palavras, principalmente quando discordam de você, e nem quando você discorda de alguém.

    Você se entitula um pregador apaixonado do evangelho, mas infelizmente não vejo evangelho em suas palavras.

    Por favor, não publique esse comentário. Não escrevi para que ninguém leia, apenas o senhor. É direcionado apenas para o Pr. Marcio de Souza. E se quiser publicar para me criticar, fique a vontade, porém meu proposito não se cumpriu caso isso aconteça.

    Abraço!!

  11. ao pastor marcio,concordo que essas passeatas são um absurdo,mas acho que devemos focar nossas forças em pregar o evangélio e deixar o julgamento para deus pois o fim parece estar cada vez mais próximo e nossa função é a conversão ,não se converte alguem com criticas mas com amor ao próximo,e não concordo com voce quando se diz”farinha do mesmo saco”não misture nós evangélicos com as pessoas que fazem passeata a favor da maconha isso é ridiculo!!! a impressão que dá é que voce julga que só a sua igreja é a certinha as outras todas tem falhas ,abra o olho que deus volta e voce fica!!!nós temos que pregar oque está na biblia ‘amai ao teu próximo como a ti mesmo.e voce só ama quem julga correto?deus veio para os que não estão salvos,o sr,pastor esta mais para ritler que achava que só a sua raça calcasiana prestava….

  12. CONCORDO COM O AUTOR DO TEXTO…POR QUE O POVO EVANGÉLICO NÃO FAZ MARCHA CONTRA OS ESCÂNDALOS QUE OCORREM NO MEIO EVANGÉLICO? POR QUE O POVO EVANGÉLICO NÃO FAZ MARCHA CONTRA O COMÉRCIO DE "OBJETOS UNGIDOS", QUE CONSTITUEM UMA VERDADEIRA EXPLORAÇÃO DA FÉ ALHEIA? POR QUE O POVO EVANGÉLICO NÃO FAZ MARCHA CONTRA AQUELES QUE DESVIAM DÍZIMOS E OFERTAS? POR QUE O POVO EVANGÉLICO NÃO FAZ MARCHA CONTRA A VENDA DE BÍBLIAS POR 900 REAIS E POR UNÇÕES VENDIDAS POR DOZE VEZES DE MIL REAIS?A MARCHA PARA JESUS QUE ESTÁ SENDO FEITA É SÓ PARA EXALTAÇÃO DO HOMEM, ISTO SIM…POVO QUE SE CALA MEDIANTE O PECADO DA EXPLORAÇÃO DA FÉ ALHEIA, TAMBÉM É CONIVENTE COM O PECADO…O POVO DE DEUS TEM DE PARAR DE SER HIPÓCRITA, ISTO SIM…PARABÉNS AO AUTOR DO TEXTO…

  13. Gostaria de saber da Nil Vânia se ela tem em sua casa ou sua família, um dependente de droga, um gay ou uma prostituta? A questão aqui não é o direito de protestar nem os motivos pelos quais se realizam essas manifestações. A questão é a triste condição na qual o homem chegou por acreditar em uma liberdade que agride , afronta e dá maus exemplo.Posso garantir que ninguém é feliz sendo escravo de um vício ou minoria social.

  14. é uma vergonha ver esse senhor Márcio comparando baderna com a marcha para Jesus, ou ele acha que nós que vamos não somos cristãos?
    sabe eu fico imaginando os que não são cristãos rindo da nossa por ler que uma pessoa que se diz pastor, teólogo, pregador apaixonado falando dos próprios irmãos.
    Se fosse você eu teria bastante vergonha de usar este espaço para falar tanta asneira, nem falar das outras marchas desta forma é certo o que dirá da Marcha para Jesus, voce não conhece os frutos então não fale besteira!!!!!

    Tinha que ser teólogo!!!

    • Marcha pra Jesus nunca teve sentido. Nem você sabe porque vai a marcha. Comprou fitinha do artista preferido? Esse é o objetivo da marcha. Preconceito contra os teólogos irmã? Eu não posso desgostar da marcha, mas vc pode achincalhar os teólogos? Incoerente…

  15. O que este país precisa é mudar (nós Brasileiros) e quanto as criticas Marcio de Souza, só um comentário são muito repetitivas sinal de cópias mau feitas dê quem não nos conhece. Elas não mexe com nossos sentimentos egocentricos de disputas retóricas temos algo mais nobre o amor a todos.

  16. Da pra leva a serio sim um protesto chamado marcha das vadias pelo que li no minimo vc n pesquisou sobre os protestos quando fez este texto.
    Espero que pesquise mais sobre os protesto para um texto mais satisfatorio

DEIXE UMA RESPOSTA