Artigos

Os “traficantes da Globo” e os “super-heróis evangélicos”

Comments (12)
  1. TOUR NATRAK disse:

    UMA coisa pode ser afirmada com absoluta certeza, não existiu não existe nem nunca existira traficante crente verdadeiro, o verdadeiro crente jamais fara trafico de drogas, o verdadeiro jamais ira colaborar ou participar de tais atos, se existe traficantes com este nome evangélico pode se dizer com certeza que não são evangélicos, A rede globo foi e e uma rede de televisão contraria aos ensinamentos verdadeiros da Palavra de DEUS, Eles sempre foram contra os crentes aja visto que em seus programas todos são de cunho espiritistas pois os mesmos são espiritas e e evidente que são contras portanto não tem discussão, em todas as cidades os evangélicos sempre tem convivência pacifica com todas as religiões, mesmo que sabendo que espiritismo em todas suas facções catolicismo em todas suas facções e outras mais estão em desacordo bíblico, não há um intrometimento de expulsão de perseguir os mesmo, existe si a Pregação do genuíno Evangelho mas sem obrigar a ninguém quem quer ouvir ouça quem não quer paciência

    1. Airones disse:

      Não contrariando sua resposta,mas acrescentando algo mais,posso dizer:
      Com essa onda “evangeliquez” que vemos hoje onde tudo é permitido,pessoas se dizendo cristãs posando nuas para revistas masculinas,sex shop gospel,filme pornô gospel,swing gospel e por ai vai,não é de admirar-se que a própria mídia secularista invente outros atributos para os crentes em CRISTO,tais como “traficantes evangélicos”,e não me surpreenderei quando nominarem pedófilos,assassinos,estupradores de gospel também(Isso não existe!).Fica aqui então está Palavra:Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus?
      Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.
      E é o que alguns têm sido; mas haveis sido lavados(dos pecados antigos), mas haveis sido santificados, mas haveis sido justificados em nome do Senhor Jesus, e pelo Espírito do nosso Deus.
      1 Coríntios 6:9-11
      Quem é crente verdadeiro sepulta a velha criatura!

    2. Anderson disse:

      Sempre dois pesos e duas medidas.

      Quando fazem algo de bom são evangélicos e quando fazem algo ruim são de outras religiões.

      Pastor bandido “nunca” foi pastor de verdade. Padre bandido é padre mesmo.

      Quando o traficante aparece com uma Bíblia todo mundo vibra e diz que ele conheceu Jesus.

      Quando aparece com uma arma aí deixa de ser evangélico de uma hora para a outra.

      Quando surgem as pesquisas todos os evangélicos são “irmãos em Cristo”. Depois todos se atacam e chamam uns aos outros de hereges.

      Se existe crime, o pastor nunca representa os evangélicos.

      Mas aí outro pastor que é xingado por tudo mundo vai na Globo de uma hora para a outra vira representante de todos.

      Que época tenebrosa de “ungidos” de meia pataca e “profetas” que apascentam a si próprios.

      Que corporativismo debochado, asqueroso e nojento.

      Texto infâme deste pastor !!!

      Quero ver se ele é justo realmente e produz um texto semelhante separando os padres pedófilos dos padres sérios e do rebanho de 1 bilhão e 200 milhões de católicos, dizendo que não é justo que todos paguem pelos erros de alguns poucos.

      Vamos ver se ele realmente é um homem de DEUS que prima pela verdade !

  2. tomaz disse:

    Esse fato nao me impressiona. Pois o que interessa mesmo e o dizimo que os traficantes pagam e sao abencoados pelo pastor. Isso se o traficante nao for o pastor

  3. tomaz disse:

    Esse fato sempre houve. Traficantes evangelicos. Os pastores agradecem o dizimo.

  4. Pr. Edson disse:

    A grande realidade é que satanás está a ponto de ser derrotado de uma vez por todas. (Cristo está para tocar a trombeta) e a cada dia vemos o cerco se fechando para aqueles que pregam a palavra do Senhor, chegará um dia em que muitos procurará a palavra e não vai achar. Busquemos a Cristo enquanto se pode achar……….

    1. Wagner disse:

      É isso aí, pastor!
      E a cousa vai piorar, estes, apenas são o princípio das dores!

      1. Anderson disse:

        Sempre dois pesos e duas medidas.

        Quando fazem algo de bom são evangélicos e quando fazem algo ruim são de outras religiões.

        Pastor bandido “nunca” foi pastor de verdade. Padre bandido é padre mesmo.

        Quando o traficante aparece com uma Bíblia todo mundo vibra e diz que ele conheceu Jesus.

        Quando aparece com uma arma aí deixa de ser evangélico de uma hora para a outra.

        Quando surgem as pesquisas todos os evangélicos são “irmãos em Cristo”. Depois todos se atacam e chamam uns aos outros de hereges.

        Se existe crime, o pastor nunca representa os evangélicos.

        Mas aí outro pastor que é xingado por tudo mundo vai na Globo de uma hora para a outra vira representante de todos.

        Que época tenebrosa de “ungidos” de meia pataca e “profetas” que apascentam a si próprios.

        Que corporativismo debochado, asqueroso e nojento.

        Texto infâme deste pastor !!!

        Quero ver se ele é justo realmente e produz um texto semelhante separando os padres pedófilos dos padres sérios e do rebanho de 1 bilhão e 200 milhões de católicos, dizendo que não é justo que todos paguem pelos erros de alguns poucos.

        Vamos ver se ele realmente é um homem de DEUS que prima pela verdade !

  5. Dani Acioli disse:

    Que palhaçada !

    Só gostam dos elogios ?

    Não suportam as críticas ?

    Entre os evangélicos são todos anjos e bonzinhos ?

    Maus só estão entre os outros ?

    Hipocrisia.

    Falta do que fazer. Pastor imaturo.

    Ao invés de pregar o evangelho de Jesus Cristo está se ocupando com fofoca !

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Colunas Gospel+ é um espaço de opinião, voltado ao público cristão, com abordagem de diversos assuntos ligados à jornada de fé, sociedade, política, música e muito mais.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.