O retumbante apelo da crise – volta pra Deus Brasil!

1

Definitivamente 2015 está sendo um ano de crise!

Minha constatação não é falta de fé, pois eu creio no Deus providente; a afirmativa baseia-se em fatos que confirmam a realidade desanimadora que nos cerca. A crise que mais temos dado ênfase é a econômica – pois essa afeta o bolso, mingua consumos e adia nossos planos e aquisições. Mas, quem dera fosse a roda econômica a única face da “crise”; oxalá fosse a alta do dólar a síntese de nossa problemática existencial ou o desemprego crescente a suma de nossos dilemas sociais. Nossa atenção volta-se apenas para um de nossos problemas – o financeiro, mas continuamos ignorando o ponto central das crises – o homem em oposição a Deus!

A “crise” do homem pós moderno pode ser descrita em pluralidades, mas sua causa remete a básica singularidade de inimizade contra Deus! Enquanto a incerteza caracteriza e converge na soma de todos os seus medos; falta-lhe fundamentos, bases e estruturas espirituais para prevalecer sobre a enorme insegurança que toma conta de ruas e praças, escolas e universidades, setor público e privado, ricos e pobres, letrados e indoutos – pois a crise se dá por falta de algum recurso elementar, e neste ponto precisamos concordar que têm faltado à nossa sociedade fé, coragem, verdade, compromisso, honestidade, fraternidade, cordialidade, altruísmo e, principalmente amor.

O homem atravessa uma crise de si mesmo e de correlação com o seu próximo, não consegue se reencontrar para caminhar na direção do plano de Deus para uma vida abençoada; continua centrado em questões periféricas ignorando o recurso mais importante – a presença de Deus. Sim meus amigos, a falta de espiritualidade proposta pelas Escrituras esvazia o homem de esperanças e o disseca de virtudes; tal ausência o encarcera no terrenal, o prende ao carnal e subtrai-lhe sua mais elementar humanidade – moldando-o num ser ocupado e preocupado apenas com a sua necessidade de sobreviver. É uma crise de liberdade, de ausência de vida plena estabelecida por gente escravizada por prazeres, entulhada de afazeres e indiferente à seu Criador!

É uma crise feita de tantas outras de modo que as dificuldades ganharam segmentos. É crise na saúde, na política, na educação, na segurança, no casamento, na família e até na igreja – é crise de tudo e de todos! O Brasil entrou em colapso de ordem e num caos de progresso. Os noticiários destacam a setorização da crise dos recursos naturais por conta da escassez dos mesmos e aí temos crise hídrica e energética e logo teremos uma agravada crise de produção agrícola e industrial. Diante de tudo isso, só me resta considerar que: ou estamos na ribanceira da desqualificação da vida ou no limiar de uma revolução.

Diante de tanta má notícia, escândalos e decepções nos esquecemos que toda crise é permeada de oportunidades! A solução deixou de ser buscada, paliativos são apresentados para contornar problemas e assim se instauram e perpetuam crises de falta de coragem, criatividade e confiança. Quando falta subordinação ao conselho de Deus, sobram crises; quando a inteligência humana desdenha da sabedoria Divina brotam males; quando o escárnio e a impiedade afrontam a Justa e Santa Pessoa de Deus, os homens ficam perdidos! A grande oportunidade da crise é uma volta pra Deus, um reencontro com Ele, uma confissão sincera através de arrependimento genuíno – volta pra Deus Brasil!

Para alguns isso soará como “teocracismo”, mas a verdade é que todos os nossos problemas interpessoais e sociais são fundamentalmente consequências de termos dado as costas pra Deus. A insegurança das ruas, o desespero dos lares, a desconstrução dos valores morais e os horrores das guerras evidenciam tal problemática. Com a paz de Deus na alma, a vida é mais leve ainda que lide com crises e que encare os mesmos problemas – os fundamentos da resistência serão extremamente seguros e eficazes. Fica aqui meu apelo a pastores, líderes comunitários, políticos, executivos, mestres e a profissionais liberais – façamos este apelo a quem nos ouve, a quem lideramos: vamos nos voltar pra Deus e aí começaremos a superar a crise das crises!

COMPARTILHAR
Silvio mora na belíssima cidade de Guarapari no ES; é administrador de empresas por profissão; estudou teologia no Seminário SEET e na Faculdade FAIFA. É membro do conselho editorial da revista Seara News. Contribui como colunista em outros portais evangélicos e é palestrante em escolas bíblicas realizadas em seu Estado. Escreve também para o seu blog Cristão Capixaba e é o editor responsável pelo portal Litoral Gospel.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here