Artigos

UMESP discute os 50 anos da ditadura militar

Comments (1)
  1. mauro disse:

    Lembrando que o movimento de 64 reuniu milhões de pessoas que o apoiaram frente a ameaça socialista comunista na ocasião, a população foi as ruas exigindo a imediata saída de Jango. Quanto ao AI5, os guerrilheiros acirravam suas ações a partir de 1966 após a bomba detonada no aeroporto dos Guararapes pelo grupo Var Palmares. O AI5 foi uma iniciativa dura tomada pelos militares mas sem qualquer participação popular em apoio.

  2. Vagner disse:

    Perfeito Mauro muito embora pra mim essa página seja bem chapa branca a ditadura que vitimou 300 pessoas não foi tão dura assim…..e essa senhora ai do post posa sem nenhum arranhão depois de dias de tortura a militante linha de frente do val palmares…mentirosa assassina.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Colunas Gospel+ é um espaço de opinião, voltado ao público cristão, com abordagem de diversos assuntos ligados à jornada de fé, sociedade, política, música e muito mais.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.