Baderna totalitária, massas nas ruas e a profecia que permanece

12

Em poucas horas, o pretexto-estopim, o preço da passagem, forjado por um grupo que recebia verbas do governo federal, aliado a partidos de extrema-esquerda que cooptaram punks para as manifestações, passou a ser um conglomerado de indignações genéricas, emotivas, apontadas a ninguém. Notoriamente baseadas em slogans midiáticos e sempre fundamentadas em premissas da mentalidade esquerdista, ainda que nem sempre de forma tão direta. Bastou. Dessa forma, encantaram até mesmo milhões de cristãos, levados a pensar que a “justiça” pela qual clamam os baderneiros totalitários é a mesma das Escrituras e que serviu de base para o surgimento das instituições e políticas que garantiram um mínimo de liberdade civil na civilização ocidental.

Quando a Rede Globo, o PSTU, o PSOL, petistas e ONG´s financiadas por George Soros estão TODOS irmanados num movimento, o mais elementar é concluir é que isso não evocará nem um princípio, meio ou objetivo minimamente alinhado a valores cristãos. Os quais nem mesmo nas táticas de propaganda revolucionária, montada a cooptar quem quer que seja, foram vistos. Tanto que os baderneiros já reclamam: “Não é uma causa pelos valores e pela família. Não estamos pedindo o fim do Estado – pelo contrário!” Mas há uma facilidade demasiadamente perigosa em esquecer que “o mundo jaz no maligno”. Velhas ordenanças bíblicas, como “não te associe com os revoltosos” (Pv. 24, 21,22) ou “não seguirás a multidão para fazeres o mal” (Ex. 23:2), que bem apontam o erro brutal que há em seguir massas enfurecidas, simplesmente sumiram da mente de milhares de cristãos.

Sei que, em muitos lugares, partidos de esquerda foram esculachados. Mas não adianta criticar na passeata e sequer perceber o quanto adquiriu do modus pensandi desses facínoras. E esse é um dos grandes desafios da igreja brasileira hoje: livrar-se desse ranço ideológico maldito, e restaurar a cosmovisão cristã em todas as dimensões da vida.

Há uma nova tecnologia de guerra cultural e política em teste. Que foi capaz de levar hordas às ruas clamando, no fim das contas, por mais e mais intervenção estatal em suas vidas. Reclamando dos sintomas do veneno, pedem uma dose ainda maior dele em suas veias.

Hoje é o day after da tal “Segunda-feira Branca”. Não há nenhum risco na lataria das limusines dos verdadeiros detentores do poder político. Dilma Rousseff ainda achou lindo: “o governo ouve vozes pela mudança”. E agora, manifestante, o que me diz? Sua revolta já foi absorvida e canalizada justamente pelo ícone máximo de “tudo isso que está aí”. É digno de nota, que, mesmo com toda a fúria mobilizada contra as PMs,  e com casas legislativas atacadas,  todas as sedes do Poder Executivo onde manda o PT permaneceram intactas. Uma era totalitária é assim. Massas nas ruas, mas a comitiva do Führer (ou do Duce, ou do “Comandante”) segue tranquila.

A mudança positiva, para os padrões do PT e demais revolucionários, sabe-se bem qual é: é a do “socialismo do século XXI”, este, do Foro de São Paulo, da aliança com Cuba, com a Venezuela, com a elite do globalismo ocidental: essa que apoia aborto, a dissolução da família, que obstrui a livre iniciativa e o livre mercado, que faz da imagem dos cristãos, na grande mídia, a perfeita personificação do que há de mais repulsivo. A não ser, é claro, que o tal cristão, em termos práticos, seja um apóstata: um botton pró-gay o redime ante os novos sacerdotes do poder revolucionário global que, um dia – desculpem, mas a profecia do apóstolo João permanece válida -, entronizarão o anticristo.

@Edson_Camargo

http://profetaurbano.blogspot.com

 

12 COMENTÁRIOS

    • Sim um artigo MUITO BOM! Afinal as igrejas evangélicas se desviaram dos valores cristãos e se envolveram no mundo e na sua corrupção. Estão tomando uma direção bem diferente dos verdadeiros cristãos do primeiro século que se recusavam a fazer parte da política de seus dias…

  1. Incrível
    Um pensamento muito bom mesmo. É desconcertante ter que concordar quando o que penso não é exatamente o mesmo.

    Mas tenho uma pergunta:
    Então nós cristãos temos que simplesmente deixar tudo ir por água a baixo sem ao menos manifestar a indignação? Falo isso porque por que já fomos às ruas pra barrar a PL 122 e novamente em favor da Família, ou seja, coisas que não é interesse somente dos crentes.
    Hoje a população esta saindo às ruas com o pretexto da passagem, mas esta revindicando educação, saúde, fim da corrupção, fim da inversão de valores como salário de honestos e auxilio presidiário e etc. E acredito que isso não é interesse somente dos ímpios e apesar de não sermos deste mundo, ainda vivemos nele e sempre que podemos usufruímos de todos os benefícios que o governo nos dá, logo seria desonroso lavar as mãos na hora de se responsabilizar e desfrutar quando alguém, outra pessoa conquistar.

    Lembrando que não estou criticando o texto ou dizendo que não concordo, estou passando meu ponto de vista e minha questão.

    Gostaria de deixar dito o seguinte:
    Tomem cuidado com o que a mídia mostra, as manifestações pacificas e ordeiras, os atos de amor ao próximo e respeito aos policias, civis carregando e socorrendo policiais feridos, manifestantes de bem juntando lixo das calcadas com as próprias mãos e devolvendo nos containers virados por anarquistas, e muito mais… Isso não tem sido mostrado nos horários de audiência. Somente pancadaria e ônibus pegando fogo. Tem algo errado com esses jornais!

  2. Muito bom texto.
    Mas onde estão as ferramentas que a igreja deve utilizar para reivindicar os seus direitos? Jesus Cristo disse que não somos desse mundo, e concordo com o Mestre.Mas ele nos ensinou a pagar tributos também.E o que acontece quando não vemos o retorno dessas contribuições que são exclusivamente para melhorias em geral(saúde, educação, infra-estrutura)?Devemos ficar de bicos calados, omissos? Somos seres sociais e possuímos direitos e deveres e manifestar-me publicamente, sem excessos e violência é constitucional ou seja, é legítimo.O que não podemos é nos rebelar contra as autoridades provocando caos e insubordinação.O que é muito observado é que é facil apontar o problema, mas difícil é montar um plano de ação que combata o mesmo.

  3. Edson,

    ótimo e lúcido texto!

    Penso que estamos por “experimentar” o juízo divino, como disse no meu FB, e que o instrumento será o terror marxista, em nosso país. Se o Senhor não operar um milagre, seremos uma nova Cuba e Venezuela, com todo aquele arsenal de maldades já visto.

    Interessante como os maldizentes tentam desmerecê-lo com adjetivos nada substantivados, como se xingamentos anulassem o seu argumento, como se uma ofensa destruísse a verdade. São os cegos que têm olhos, mas não podem ver, como disse o Senhor.

    Um abraço.

    Cristo o abençoe!

  4. Legal. Só vi choradeiras e rótulos. Que coisa mais pueril, tentando desqualificar o artigo usando a ridicularização. No mínimo é um paga pau de comunistas.

  5. Caro Julio ! O problema é que muitos ficam impressionados com as tais Multidões presentes nos protestos destes baderneiros totalitários.

    Vejam essas fotos : http://www.google.com.br/search?tbm=isch&source=univ&sa=X&ei=LfvCUYX7N7e24AOyxIDICQ&ved=0CEAQsAQ&biw=1024&bih=677&q=multidões%20nos%20protestos%20no%20Brasil

    A Folha de São Paulo destaca : Multidões em protesto http://www1.folha.uol.com.br/colunas/helioschwartsman/2013/06/1297989-multidoes-em-protesto.shtml

    Fala-se 100 mil pessoas no protesto no Rio, 65 mil em São Paulo,tantos e tantos em Brasilia,BH,Recife,Salvador,etc.

    Muitos crentes ao ver esse “POVARÉU” todo ficam impressionados. Nossa o povo todo está na rua, eles são demais !!!

    Trabalhei durante muito tempo como recenseador do IBGE ,diversos anos e de população entendo muito.

    Para mim não me assusta,não me surpreende nada,não me impressiona nada e é para mim a coisa mais normal do mundo ver essas multidões protestando.
    Essa imensa quantidade de gente.

    Sabe ! Porque! Coisa que não falta no Brasil é gente!

    Vamos lá ! Segundo o IBGE a população brasileira chegou á 194 milhões de habitantes em 2013.

    Agora ! As maiores multidões protestando estão nas grandes cidades brasileiras.
    Veja : Lista de regiões metropolitanas do Brasil por população
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_regi%C3%B5es_metropolitanas_do_Brasil_por_popula%C3%A7%C3%A3o

    Ora ! 100 mil protestarão no Rio,65 mil em São Paulo.

    Região metropolitana do Rio:11 711 233 Onze milhões e 700 mil habitantes.

    São Paulo :20 731 917 Vinte milhões e 731 mil habitantes.

    Ora ! O mesmos jornais que exalta as multidões protestando no Brasil,estampando manchetes como está “””” Protestos afora levam multidões ás ruas de todo Brasil””” http://www.folhadamangaba.com/geral/geral/6004-protestos-afora-levam-multidoes-as-ruas-de-todo-brasil

    São os mesmos que omitem as MULTIDÕES que protestam quando não protestam segundo a agenda deles.
    Dou o exemplo da Folha de São Paulo. Multidões na França,bem maiores do que as multidões brasileiras protestaram contra o casamento gay,aborto,pela Familia.

    Olha o Título da manchete da Folha.
    Protesto contra o casamento gay na França

    http://fotografia.folha.uol.com.br/galerias/14814-protesto-contra-o-casamento-gay-na-franca

    Eu não sou besta,otário,idiota para me impressionar com multidões.

    Aos crentes que seguem a manada dos protestos só tenho umas palavras. Que eles se lembrem daquele 4 jovens que o rei Nabucodonosor levou para seu palácio,Daniel,Hananias,Mizael e Azarias.
    A Bíblia diz que eram cheios de Conhecimento,Inteligência,Discernimento,Entendimento e Sabedoria.

    Sabe ! Nestes tenho me surpreendido com uma pessoa que nem é crente,evangélico. O jornalista Reinaldo Azevedo que tem demostrado tem de sobra as 5 qualidades acima.

    Tem dito com precisão enorme o que é esse MOVIMENTO PASSE LIVRE e o que são os protestantes.

    http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/

    XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
    Como comentei vi um estudante num debate no programa Encontro de Fátima Bernardes bater em Marco Floriano. Falou muito pouca coisa. Só umas duas sentenças,mas suficiente para ver o seu tipo de pensamento.
    Agora ! eu peço aos cristãos que apoiam os Manifestantes do Movimento Passe Livre,pergunte aos seus colegas de protesto o que pensam do pastor e deputado Marco Feliciano,pastor Silas Malafaia, sobre o Aborto,PL 122,casamento gay,legalização de drogas e outras liberalidades.
    Perguntem saibam a opinião deles e depois revele para nós e para mim o que pensam sobre tais coisas.

    Veja o que pensa um integrante do movimento passe livre.

    Eu aposto que apoiam Aborto,casamento gay…….

    Mas ! Não deixe de perguntar a opinião deles e a revele qual for.

    Este é o programa Encontro Fátima Bernardes do dia 18/06/2007

    O jovem estudante que fala contra o pastor e deputado é o rapaz de camisa amarela.

    http://globotv.globo.com/rede-globo/encontro-com-fatima-bernardes/v/encontro-com-fatima-bernardes-programa-de-terca-feira-1806-na-integra/2641218/

    Alguém tem recursos técnicos ou sabe como fazer um videio das imagens da Globo para nós.
    Na Globo só entra assinantes. Nem todos podem ver o debate. Eu vi na TV somente.

  6. Acabei de assistir o Programa Encontro de Fátima Bernardes na Globo, Dia Segunda 18/06. Estava tendo um debate sobre os protestos em todo país. Neste debate havia um jovem estudante quando perguntado sobre as reivindicações dos protestos.
    O estudante falou de vários pontos entre eles : Marco Feliciano. Dizendo ser inconcebível pessoas como Marco Feliciano numa democracia.
    Observação. O estudante lógico não está só contra a pessoa de Marco Feliciano ,mas, principalmente contra as idéias dele. Como ser contra a aceitação do homossexualismo,casamento gay,aborto,a destruição da família,etc.
    Não devemos esquecer que vasta maioria dos evangélicos do Brasil tem as mesmas convicções de Marco Feliciano ou do pastor Silas Malafaia.
    Como disse bem Reinaldo Azevedo “””Uma das doenças das democracias é a emergência de minorais radicalizadas ou de grupos sectários que reivindicam o direito de impor à coletividade as suas vontades. “”””
    Logo essa minoria ou grupo sectário do Passe Livre e cia vai impor aos milhões de evangélicos valores totalmente opostos aos que agora defendem.
    Quando começarem a bater em Marco Feliciano vão mostrarem a cara e que defendem Aborto,Casamento Gay e até legalização das drogas.
    Pode parecer até paranoia. Mas! Temo que como a Primavera Àrabe terminou com a perseguição dos cristãos no Egito e outros países árabes.
    Os evangélicos brasileiros vão ver serem obrigados a aceitar valores opostos aos seus impostos por grupos sectários.
    XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX Comentário que envie para o blog do Reinaldo Azevedo Segunda 18/06

    Como comentei vi um estudante num debate no programa Encontro de Fátima Bernardes bater em Marco Floriano. Falou muito pouca coisa. Só umas duas sentenças,mas suficiente para ver o seu tipo de pensamento.
    Agora ! eu peço aos cristãos que apoiam os Manifestantes do Movimento Passe Livre,pergunte aos seus colegas de protesto o que pensam do pastor e deputado Marco Feliciano,pastor Silas Malafaia, sobre o Aborto,PL 122,casamento gay,legalização de drogas e outras liberalidades.
    Perguntem saibam a opinião deles e depois revele para nós e para mim o que pensam sobre tais coisas.

    Eu aposto que apoiam Aborto,casamento gay…….

    Mas ! Não deixe de perguntar a opinião deles e a revele qual for.

    Este é o programa Encontro Fátima Bernardes do dia 18/06/2007

    O jovem estudante que fala contra o pastor e deputado é o rapaz de camisa amarela.

    http://globotv.globo.com/rede-globo/encontro-com-fatima-bernardes/v/encontro-com-fatima-bernardes-programa-de-terca-feira-1806-na-integra/2641218/

    Alguém tem recursos técnicos ou sabe como fazer um videio das imagens da Globo para nós.
    Na Globo só entra assinantes. Nem todos podem ver o debate. Eu vi na TV somente.

DEIXE UMA RESPOSTA