Artigos

PL 122: A “Benção” que chegou antes da VERGONHOSA igreja.

Comments (14)
  1. Nilson Marcos disse:

    O problema é que lei mal-feita não aniquila a dor, apenas a muda de lado. A lei que aí está apenas torna o oprimido em opressor. Leis ruins é especialidade do nosso legislativo.

    1. Andre disse:

      O oprimido??
      Que eu saiba, quem leva predrada na rua, é espancado, expulso de casa, abandonado pelos pais, dificilemente consegue emprego e serve de chacota, e tudo por sua condição de sexual, a qua é não de sua escolha é uma condição humana dada por DEUS em seu íntimo, e isto DEUS faz em toda sua criação pois indivíduos homoafetivos existem em todos os seres criados por ELE.
      Então quem é o oprimido???
      Aquele que quer continuar com seu direito de utilizar o homossexual como chacota e trampolim de poder.
      Ou o homossexual, que tem de passar toda sua vida sem o direito de se casar, ser feliz, e ter seus direitos de cidadão, sendo respeitados??
      DEUS fará justiça ao oprimido, pena que neste intervalo de tempo muitas, crianças, e jovens homossexuais estão sofrendo, e muitos muito cedo cometem suícidio, como acontecia a séculos atraz com outras minorias, como negros, e deficientes, que hoje com muita luta e muito sangue conseguiram seus direitos.
      DEUS fará justiça, e os bodes fundamentalistas, prestaram contas a Cristo de cada alma que afastaram de seu amor.

  2. Alex disse:

    Misericordia??? Isso é o que? Isso existe? Onde?

  3. Roger disse:

    Vejo que o texto não está embasado nos artigos do PLC 122 que de fato oprime tanto a liberdade de expressão como a de culto. Em nenhuma parte deste texto foi citado extratos do PLC 122 e a contestação dos mesmos, ponto a ponto.

    Percebo que há muita filosofia e divagações sobre o PLC 122.

    É preciso conhecê-lo melhor, e refutá-lo à luz da Carta Maior, a Constituição. Só assim poder-se-á ter uma ideia que o tão propalado PL, de fato, colide com incisos constitucuonais e infraconstitucionais.

    Não era nem preciso citar a Bíblia ou os cristãos nesse debate, mas somente a Constituição Federal para derrubá-lo.

    1. Roger disse:

      Fora PLC 122!!!

      1. clamando disse:

        clamando diz fora pl 122

    2. Power disse:

      Concordo amigo Roger, mas preciso dizer: os números de assassinatos de homossexuais dos 100%, ou seja 90% dos casos a assassino era um ex companheiro da vitima, o que caracteriza crime passional e não de homofobia. E muitos são ludibriados pela mídia, considero estes um bando de fantoches!!!

  4. Joaquim Nabuco disse:

    Essa lei como tambem outras que vem dos comunistalhas so servem para a DESTRUIÇÃO DA MORAL CRISTÃ OCIDENTAL, mas alguns colunistas, burros e alienados que são, não fazem ideia disso, e ficam de blablabla, estão coando o mosquito mas engolindo o camelo.

  5. VOZ disse:

    Existe lugar mais homossexual que a igreja empresa?Que quer padronizar o mundo pela doutrina e costumes que eles proprios criaram.Eles nao pregam o evangelho do reino que salva eles falm de outras coisas que lhes convem.Vcs querem mudança preguem o evangelho do reino e vejam vidas mudarem.NAO E POR FORÇA OU VIOLENCIA MAS SIM PELO MEU ESPIRITO.

  6. Power disse:

    Dos 100%, ou seja 90% dos casos o assassino era um ex companheiro da vitima, o que caracteriza crime passional e não de homofobia. E muitos são ludibriados pela mídia, considero estes um bando de fantoches!!!

  7. lrraimundo disse:

    Mas q discurso de modinha mais irracional q eu já vi. Se deu ao trabalho de ler a constituição e a tão falada PL?
    Leis protegendo os oprimidos já existem. O q a referida lei quer é dar direitos específicos a um grupo, em detrimento aos meus. Os próprios entendedores de leis ñ são unânimes no referido Projeto. É IMPOSSÍVEL UMA PESSOA Q SE DIZ CRISTÃ CONCORDAR COM O ARTIGO 7 DESSA PL 122! Se o gay quiser se beijar dentro da igreja vai poder, se o gay quiser te lascar um beijo na praça vai poder tb, pois se vc for contra se configurará crime. Se eu for responsável de um local, e permitir um beijo entre casais HETEROS (casal normal), e ñ permitir o beijo gay, vou ser preso tb. Com isso querem q achemos o relacionamento gay uma coisa normal, como um homem e uma mulher. Vc leu o q diz o artigo 8, sobre a mudança do artigo 20 parág. 5 da lei 7716: se eu pregar contra a homossexualidade, COMO A BÍBLIA FALA, vou ser preso por praticar uma AÇÃO FILOSÓFICA contra os gays. É pra matar de rir! E o pior de tudo: querem dar um status de RAÇA aos gays. É o cúmulo isso!
    Se eles querem proteção, blz, sei q são discriminados e precisam serem acolhidos, MAS Q CRIEM UMA OUTRA LEI! Serem inseridos no texto da lei 7716 é um atentado à liberdade do restante dos brasileiros!

  8. João disse:

    O que eu acho mais engraçado é o fato da maioria dos evangélicos repetir o que os líderes fundamentalistas falavam nos programas e nos cultos. Quando inventou o divórcio também os fundamentalista cristãos dizem cada barbaridade. E hoje o mundo acabou por isso? Infelizmente, é triste ver um rebanho de adeptos de uma religião achando que todo mundo só terá salvação se virar crente! O mais revoltante também é ver um bando de “evanjegues” aplaudindo os líderes que vivem da luxúria e vivendo graças aos dízimos. No dia que eu ver um grupo de evangélico protestando contra a sujeira que rola nos bastidores realmente acontecerá o apocalipse. Todo mundo sabe que a bancada evangélica é mais suja que pau de galinheiro, e algum evangélico protesta? Parabéns pela a fé cega de vocês!

  9. carlos disse:

    Deus é justo! e espero que sua justiça não permita que milhares de seus servos sejam presos, porque uns que dizem que conhecem a Cristo são a favor a PL 122. AS vezes da nojo ler certos artigos, gente que não tem o que falar sobre o assunto”PL122″ devia fechar a boca.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Colunas Gospel+ é um espaço de opinião, voltado ao público cristão, com abordagem de diversos assuntos ligados à jornada de fé, sociedade, política, música e muito mais.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.