Artigos

Laura e a triste realidade das mulheres vítimas do fanatismo religioso

Comments (5)
  1. Marta Nininha disse:

    Grande parte do problema vem da interpretação equivocada do versículo bíblico que fala da submissão feminina ao homem ou ao fato de não sermos nem contadas nos milagres de Jesus! Mas não devíamos nos assustar apenas com o que acontece nesses “países retrógrados”, aqui no Brasil a todo momento vemos agressões à mulheres onde a vítima tem que passar pelo crivo de delegados machistas, de uma sociedade machista e de até mesmo de mulheres machistas que insistem em criminalizá-la, justificando o agressor…

    1. Anonimos disse:

      Nininha… minha filha que coisa chata hem!o que tem a biblia a ver com isso?voces estao aprendendo bem com seu tutor Jean Willis colocar a culpar do mal comportamento islamico nos evangelicos,assim e facio jogar todo os problemas de imoralidades leis injutas imposta de forma desregrada contra as mulheres que vivem nesses paises…Leia a mas a biblia antes de acusar disfarcadamente aos que creem na palavra de Deus!

  2. clamando disse:

    na verdade o isla trata as mulheres muito mal, o que não acontece na bíblia

  3. Ester Fabricio disse:

    Jesus foi quem mais deu valor as mulheres. Há passagens bíblicas sobre a questão da mulher que precisa ser corretamente interpretada em seu contexto. A bíblia é entendida pela orientação e inspiração do Espírito Santo que é Deus.
    Em todos os lugares e em todos os tempos, as mulheres tem sido sofrido muito no mundo, seja debaixo da opressão muçulmana, seja Hindu, etc.
    Só Deus nos dá o verdadeiro valor e nos defende, Jesus sempre honrou as mulheres e as chamou para a salvação e para serem testemunhas da sua glória e poder, quem quer e pede recebe dele a fonte da água da vida.

  4. Nair disse:

    A Bíblia jamais falou em submissão feminina ao homem. Fala em submissão da ESPOSA ao MARIDO. Só pra constar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Colunas Gospel+ é um espaço de opinião, voltado ao público cristão, com abordagem de diversos assuntos ligados à jornada de fé, sociedade, política, música e muito mais.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.